Você está aqui: Capa / Artigos / O que você pode fazer no dia de angústia difícil de suportar?

O que você pode fazer no dia de angústia difícil de suportar?

O Salmo 77 começa com a declaração do salmista de que ele clamou a Deus por estar sofrendo angústia forte, e Deus o ouviu e inclinou para ele Seus ouvidos, como Ele sempre faz ao que O procura com humildade. O Senhor Jesus disse: “Toda pessoa que o Pai me dá, virá a Mim; e o que vem a Mim de maneira nenhuma o lançarei fora.” João 6:37. Mas antes de recobrar a serenidade, Davi descreve sua angústia mental, expressando-a com palavras que denotam dúvida sobre a ajuda divina. Deus abandona você quando a dor emocional toma conta de sua mente?

Temos emoções. E elas flutuam por motivos variados. Nem sempre é fácil encontrar a resposta ou a explicação do por que nos sentimos angustiados, ansiosos ou tristes. Não temos todas as respostas. É normal isto. E não sei se é mais fácil ou mais difícil ter que sofrer a dor emocional sem as respostas para a causa dela. Sabendo ou não a causa, teremos que lidar com o sentimento difícil.

Começa a ajudar ao pensarmos que o que sentimos de bom passa, mas o que é ruim também passa. Isto que você está sentindo de desagradável, passará. Talvez você precisará expressar sua dor, e isto significa falar dela para Deus e talvez para alguém que Ele colocará em sua vida para lhe ajudar. Mas comece falando com Deus, em oração, como o salmista fez e que está no Salmo 77. Este Salmo tem vinte versos ou versículos, e note que até o nono, ele está desabafando. No décimo ele dá uma parada, reflete, e começa a mudança emocional, através da mudança racional. Vou explicar.

Davi estava naquele momento de angústia perplexo pelas emoções e por isso falhando em ver Deus lidando com ele, cuidando dele, como Ele havia feito no passado, não só com ele, Davi, mas com Seu povo. Na hora das trevas facilmente nos esquecemos das vitórias que Deus já nos deu e do cuidado dEle por nós, não é? Por que esquecemos? Talvez a pergunta melhor seja: Por que a lembrança do que Deus fez por nós até hoje não nos dá forças para lidar com o que nos perturba na hora difícil? Talvez seja porque ainda necessitamos de mais fé forte. A fé no amor de Deus pode realmente nos acalmar na hora difícil. A Bíblia dá um ponto a ser pensado e que ajuda nestas horas: “Aquele que nem mesmo a Seu próprio Filho poupou, antes O entregou por todos nós, como nos não dará também com Ele todas as coisas?” Romanos 8:32. Force sua mente a meditar nisto!

Tomado pelos sentimentos de angústia, aflição, dúvida, tristeza, desânimo, Davi teve insônia, queixava-se, e talvez você tenha que fazer o mesmo, até que sua fé possa ser fortalecida e mais adiante na sua experiência de vida com Deus e com você mesmo, se torne possível não mais murmurar, embora e mesmo sentindo angústia talvez inevitável.

O que será que começou a mudar na mente de Davi ao longo do processo de dor emocional naquele dia da vida dele, que trouxe alívio? De repente, ele disse para si mesmo: “Isto é enfermidade minha!” (verso 10). Ele reconheceu, porque sua mente conseguiu usar o racional no meio daquelas emoções, que algo em seu cérebro não funcionava bem e produzia aqueles sentimentos e que isto (a dor emocional) era devido aos problemas e perigos da vida, que todos temos. Todos temos dores. Um dia dirigindo numa rodovia, vi uma frase num parachoque de um caminhão que expressa algo muito real na experiência humana: “Tem hora que dá medo.” Verdade.

Davi cessa de reclamar, interrompe o lamento, e pensa: “Certamente que me lembrarei das Tuas maravilhas da antiguidade.” (verso 11 última parte). Deus não tem feito coisas maravilhosas em sua vida no passado? O Senhor Deus Jesus Cristo disse: “Eis que estou com vocês todos os dias, até o fim.” Mateus 28:20. Com quem Ele está sempre? Com os que seguem Suas recomendações, com os que O obedecem, com os que entregam sua vida e sua vontade a Ele um dia de cada vez . Você acredita nisto? Você faz esta entrega?

Davi acreditava nisto, mas mesmo assim passou por aqueles e outros momentos de escuridão emocional e espiritual. Fé não é sentimento. Fé é a certeza de que Deus fará o que disse, apesar de nossas emoções. Pensei nisto. Mas a luz voltou! Ela sempre volta! Deus não abandona as pessoas. Ele trabalha por aquele que nEle espera (Isaías 64:4). E olha o que Ele faz: “O Senhor considera nossas aflições. Graciosa e distintamente, Ele as limita e as distribui.” Ellen G. White, “Jesus, Meu Modelo”, p.328.

Deus está no controle. Davi começou a pensar nisto. Começou a lembrar disto. E trouxe à memória as coisas que o Senhor Jesus havia feito na vida dele para livrá-lo e a Seu povo. E é assim que você e eu conseguiremos lidar com a hora difícil, de dor emocional. Se tiver que desabafar, desabafe, chore, lamente. Mas se já passou por isto, olhe para cima. Traga à memória as coisas boas que o Senhor tem feito em sua vida. Valorize isto. Lembre-se das vitórias, das bênçãos do passado que Ele lhe deu. Cultive gratidão. Comece a agradece-Lo pelo que Ele tem feito em sua vida, independentemente se a emoção desagradável ainda está aí em seu coração. Você pode usar a razão apesar da emoção.

Davi não só meditou, mas falou dos feitos do Senhor Jesus. (verso 12) Diga para alguém o quanto, como e que Deus é bom. Expresse esperança. Você se torna parecido com aquilo que mais pensa, naquilo que mais contempla e mais medita. E peça ao Senhor para que Ele lhe dê uma fé mais forte para que da próxima vez que as trevas vierem perturbar, você aguente de maneira melhor, sem desespero, sem perder a serenidade. Ele fará isto. Coloque sua confiança no Senhor Jesus Cristo, não nos seus sentimentos.

_______

Dr. Cesar Vasconcellos de Souza

 

Sobre Cesar Vasconcellos de Souza

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top